A história do Bichon Frisé

Não sou um poodle, vamos deixar isso claro desde já. Respeite meus pelos encaracolados.

Sou uma raça antiga como a maioria dos meus outros colegas de outras raças. Dizem que sou de origem franco-belga e que sou descendente do Barbet.

Na França já tive o nome de Bichon e de Teneriffe e mais tarde me deram o nome de Bichon Frisé por causa dos meus pelos cacheados. De qualquer forma isso me faz um cão vaidoso porque tudo que vem da França é chique.

Tenho algumas semelhanças com a raça Maltês, Havana, Bolonês e o Poodle. Este último parece mesmo meu irmão de sangue, não? Pois é, mas não me confundam, pois Poodles são Poodles e não são Bichons Frisés.

Seja lá a mistura que fizeram da minha raça eu acho que deu muito certo, porque não existe quem tenha um cão da minha raça e não fique totalmente apaixonado.

Me escolhe, vai?

Telma da Camara